segunda-feira, 31 de maio de 2010

Blogagem simples como um laço azul

20090929_0038
Gostaria que minha mesa estivesse repleta de flores. Flores de todas as cores e odores. Mas para isso é necessária a moeda. Para flores este detalhe tem que estar sobrando. E como nem sempre posso me extasiar diante de uma banca florida tenho que usar a criatividade.
Percorro cada canto de uma nécessaire como se fosse formiga atrás de açúcar. Jogo para fora retalhos de tule, linhas, agulhas, botões até que me deparo com um lacinho azul barreado com tracinhos pretos. Lembro que já o usei como gargantilha - momentos de ousadia no campo da moda. Sem devaneios meu cérebro acusa que estou diante do diferencial que pode fazer de minha mesa, na sala, especial. Pego um raminho de flores lilases que já estavam em um vaso de vidro encima da mesa e o amarro com o lacinho azul barreado com tracinhos pretos. 
Volto a trabalhar no computador com um sentimento diferente. Fiquei mais leve porque podia olhar para algo tão simples e que a cada espiada me enchia de beleza e certeza de que um detalhe pode fazer toda a diferença em uma vida.  E a moeda não se fez necessária naquele momento.


Foto: Fernanda Japiassú

8 comentários:

Lúcia Soares disse...

Fernanda, lindo e simples. Simples e lindo.
Acho que a simplicidade na vida descomplica tudo!
Boa semana!

Yoyo disse...

Fernanda querida,
Por mais simples que seja, algo feito por nós é sempre motivo de orgulho e satisfação.

Adorei tê-la em meu blog.Quanto a usar as toalhas de TNT, fique à vontade para copiar...Não apenas essa, mas qualquer outra idéia que encontrar no meu espaço que você julgar interessante.
Compartilhar sempre foi e é um grande prazer para mim.
Beijinhos

Celso Mathias disse...

Esses pequenos toques fazem de nossa casa um lugar especial. Fico feliz de fazer parte da sua vida!! TATATA

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Adorei!

Lu Souza Brito disse...

Fernanda,

O detalhe faz a diferença. E ter algo belo a nossa frente é sempre bom! Um vaso de flores, um quadro bonito....

Marliborges disse...

Fernanda querida,
Confesso que dei só uma olhadinha na flor que achei lindinha, mas o que me encantou mesmo foi o seu texto! Menina que coisa linda, que jogo de palavras!!! Li e reli e continuo adorando. Quer saber, pra você o detalhe da flor foi importante e assino embaixo, mas para mim, as palavras disseram tudo. Parabéns!!!!

Luma Rosa disse...

As coisas que nos rodeiam assim como os sentimentos precisam de utilidade. O só sentir não funciona sozinho se não praticarmos e uma 'coisa' parada em casa, perde a sua finalidade. Dar várias finalidades a uma só coisa é dom! Beijus,

Monica Loureiro disse...

Me identifiquei demais com o seu post. Lembro que há algum tempo, eu dizia que certas coisas me "dão força" para o dia-a-dia. Era só olhar pra elas...Estes pequenos detalhes é que fazem a diferença...